Ivinhemenses são destaques na Ultramaratona Pata de Onça em Nova Andradina

Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Nova News

Os esportes relacionados a bicicleta vem crescendo cada vez mais no Brasil e ganhado adeptos de todas as idades, justamente por ser um esporte que consegue unir a atividade física com diversão e superação. Em Ivinhema não é diferente e inúmeros ciclistas estão nas trilhas todos os dias.

Com o tempo e com a evolução, os atletas procuram se desafiar em provas mais difíceis como a Ultra Maratona Pata de Onça, a prova mais “temida” do Mato Grosso do Sul.

No fim de semana (9 e 10 de setembro) aconteceu na cidade de Nova Andradina a 4ª edição da prova, dita por muitos como a mais difícil de todos os tempos, cerca de 300 atletas de 7 estados, de MS, SP, PR, MG, SC, GO e DF se desafiaram nos mais de 250 km de prova, com muita areia, ventos de até 24 km/h e temperaturas de até 38°C, cerca de 60 atletas não conseguiram finalizar a prova devido ao desgaste.

Foto: Nova News

A prova é para os atletas experientes, aqueles que já praticam esta modalidade esportiva há algum tempo e tem condições físicas e mentais de suportar longas distâncias. O percurso foi dividido em 150km para o primeiro dia de prova (sábado) e 100km para o domingo.

Cerca de 10 atletas da cidade de Ivinhema (dos grupos CATRACAS MTB e Pedivela) marcaram presença no desafio, se destacaram os atletas Alessandro Fontes  e Anderson Moraes  que descolaram um 4° lugar na categoria de duplas masculinas representando a equipe CATRACAS, Agnaldo Ribeiro também Ivinhemense ficou em 10° lugar na mesma categoria juntamente com o parceiro Dejair Forte da cidade de Novo Horizonte do Sul.

A Prefeitura de Ivinhema parabeniza a todos que se desafiaram e principalmente aos atletas que se destacaram levando o nome da cidade para o pódio, apoiando e incentivando o esporte em todas suas modalidades.

No dia 22 de outubro Ivinhema também será palco de um evento de cliclismo com o 3° Encontro Catracas MTB em prol ao asilo São Francisco de Assis.