Maio Amarelo: Demtrivi promove ações educativas em Ivinhema

Atividade realizada em 2016 durante Campanha Maio Amarelo. Foto: Paulo César

A prefeitura de Ivinhema, por meio do Departamento Municipal de Trânsito (Demtrivi), está participando da programação do “Maio Amarelo: Minha Escolha faz a Diferença”.

De acordo com o diretor do Demtrivi, João Paulo, todas as ações voltadas à conscientização e educação no trânsito são benéficas, pois contribuem para a segurança nas vias da cidade, bem como nas rodovias.

“O crescimento de Ivinhema, e o aumento considerável da nossa frota de veículos faz com que ações educativas sejam necessárias, fazendo com que a população se envolva na construção de um trânsito mais humano e mais seguro”, afirmou João Paulo.

A campanha conta com a parceria da prefeitura, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Detran e Rotary. Para o coordenador de educação para o trânsito, Antônio Pereira da Cruz, a campanha quer chamar atenção para a responsabilidade que cada um, motoristas e pedestres, tem em fazer um trânsito mais seguro para todos.

“Quando dissemos que o trânsito é problema ‘nosso’ acabamos esperando que o outro mude suas atitudes, mas não analisamos de que forma nós podemos fazer a diferença. A campanha deste ano quer que cada um assuma a responsabilidade e seja o protagonista da mudança. Temos como foco as crianças e adolescentes, palestras nas escolas e ações em conjunto”, explicou Antônio.

Durante todo o mês de maio, diversas atividades contarão com a presença do Demtrivi, no dia 18 foi realizada palestra na escola Sideney Carlos Costa, dia 19 será na Escola Nova Geração, no dia 22 será na escola Angelina Jaime Tebet, e no dia 26 de maio será o fechamento da campanha, com a realização de uma blitz educativa na região central da cidade.

Maio Amarelo

O Movimento Maio Amarelo nasce com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

O objetivo do movimento é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para, fugindo das falácias cotidianas e costumeiras, efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.