Ivinhema se mobiliza com campanha contra a hepatite durante o Julho Amarelo

Graças ao serviço de conscientização em anos, o número de diagnósticos é baixo. Foto: Tatiana Progeti

A prefeitura municipal de Ivinhema, através da secretaria municipal de saúde e o programa IST/AIDS, está realizando no município uma campanha de conscientização sobre as hepatites.

Todas as unidades de saúde estão sendo visitadas pela coordenadora do programa IST/AIDS, onde estão recebendo mais informações e reforçando esta campanha do Julho Amarelo.

A secretária de saúde, Sônia Garção destacou a importância destas ações no município de Ivinhema, e de conscientizar a população Ivinhemense, salientou que os testes rápidos são realizados em todas as unidades de saúde.

Segundo os dados da SINAN/MS do ano de 2007 a 2018, 28 pessoas contraíram hepatite C, sendo em 2007:2 casos, em 2008: 1, em 2009: 1, em 2010: 1 em 2011: 2, em 2012: 6, em 2013: nenhum, em 2014: 2, em 2015: 6, em 2016: nenhum, em 2017: 6 e em 2018: 1.

Já os casos de hepatite B e C, 52 casos deram positivos, sendo em 2007:2 casos, em 2008: 3, em 2009: 3, em 2010: 3 em 2011: 8, em 2012: 16, em 2013: 4, em 2014: 4, em 2015: 2, em 2016: 2, em 2017: 1, em 2018: 3 e em 2019: 1.